Em Fuerteventura, a ilha canária onde estávamos quando a pandemia global eclodiu em Março de 2020. Vínhamos passar pouco mais de uma semana na ilha e acabamos por ficar 4 meses, confinamento incluído.

Somos a Inês (portuguesa) e o Chris (espanhol) e desde 2016 despedimo-nos de Madrid onde já estávamos há vários anos, comprámos um bilhete de avião só de ida e mudámos de vida: explorámos o continente asiático durante um ano, viajámos mais de 8 meses em parte da América Latina e estivemos durante vários meses a conhecer lentamente paraísos bem mais pertinho como as 9 ilhas dos Açores, a Madeira ou as Ilhas Canárias.

Nas mochilas vai apenas o essencial para não pesar muito e os portáteis que nos dão o sustento para trabalhar em remoto como freelancer e ir conhecendo o mundo: o Chris de SEO e a Inês de Blogger, Copywriter y Social Media. Pode saber sempre onde é que andamos neste momento porque vamos actualizando a nossa página Onde Estamos?.

Quando não estamos a viajar, aproveitamos a nossa bela base, Lisboa. O blog surgiu como um “hobby” onde partilhar as nossas viagens, as aventuras que vamos tendo pelo caminho e dar informações práticas e truques mas foi crescendo e evoluindo para um projeto muito mais profissional, onde criamos guias completos para os lugares que visitamos, com tudo que precisa para organizar viagens a esse destino por conta própria.

Os nossos guias são, por norma, muito completos de cada destino para facilitar a vida de quem prefere organizar suas viagens, agrupando num só lugar todas as informações que vamos reunindo em primeira pessoa durante nossas viagens. Todas as informações contidas nos guias são fruto das nossa próprias experiências ou das pessoas que colaboram connosco.

Adoramos conhecer pessoas de todo o mundo e conhecer todo o tipo de animais no seu habitat, em liberdade e de forma sustentável. Talvez por isso, sempre que nos perguntam sobre nosso destino favorito, nunca sabemos o que responder porque todos são especiais de alguma forma, mas as Ilhas Galápagos ganharam um lugar especial no nosso ranking pessoal. Os outros destinos que guardamos num lugar especial no nosso coração são o Sri Lanka, a Colômbia, os Açores e a nossa Costa Alentejana, claro, onde temos que ir no mínimo uma semana por ano.

Se quer conhecer-nos um pouco melhor, continue a ler…

Quem é a Inês?

No nosso tuk tuk “Rojillo” com o qual já viajámos duas vezes pelo Sri Lanka, a última vez durante um mês!

A Inês é portuguesa e se tivesse que decidir onde é “casa” teria uma difícil tarefa escolher entre Setúbal (onde nasceu e onde nasceu também o seu amor pelo mar), Lisboa (onde começou a conhecer-se e onde é actualmente a sua base quando não está em movimento) e Madrid (a cidade que a viu crescer durante 11 anos e onde precisa ir de vez em quando para abraçar a família que escolheu por lá).

O Chris diz que a Inês é a alma criativa do Randomtrip e realmente é ela quem escreve mais neste blog. Viciada em pessoas, no mundo, em pessoas de todo o mundo, adora iniciar uma conversa onde quer que vá. Até debaixo d’água, diz quem já mergulhou com ela em paraísos do mundo marinho, uma paixão que descobriu em 2016, o ano que mudou a vida dela e a do Chris para sempre. Quem a conhece sabe que ela também adora improvisar rimas, dar muitas gargalhadas, dançar (já dizia a Emma Goldman “Se não posso dançar, não é a minha revolução”), inventar palavras e adora mente abertas. Raramente é vista sem um colar no pescoço e de todos os países que visita, traz um na mochila: são lindos, não pesam e há sempre uma bonita história por trás de cada um. Pode espreitar a sua coleção em “Colares do Mundo“. Às vezes também lhe dá por começar a oferecer fotografias da sua Fujifilm instantânea, especialmente em cantos mais remotos do planeta, os chamadosFotoRegalos.

Gosta de se questionar e não acredita em verdades absolutas, embora às vezes debatendo com ela pareça que sim. Psicóloga social de formação, a sua consciência política levou-a a fazer um mestrado em Feminismos em 2005, quando essa palavra ainda não tinha o destaque mediático atual e provocava caras mais estranhas do que hoje. Tenta rever os seus próprios privilégios interseccionais e desconstruir, pouco a pouco, vários dos “ismos” que carrega dentro de si.

Quando viaja é bastante evidente a sua curiosidade em aprender novas palavras em vários idiomas e dialetos, ouvir lendas, anedotas e histórias de mulheres por onde passa. Do que foi aprendendo, foi visibilizando narrativas de várias mulheres nas suas viagens ao redor do mundo nos seus artigos em Tourse, a página web de viagens do Público.

Siga a Inês no: Facebook, InstagramTwitter

Quem é o Chris?

Selfie galapagueño
Selfie em Galápagos

O Chris, também conhecido como “Galego”(por parte da família escolhida por esse mundo fora), é de Cambados, nas Rías Baixas galegas. É viciado em viajar, adora sol, mar e se puder estar constantemente a fugir do inverno, ou melhor, do frio, é feliz.

Adora cozinhar mas, como a alma mais organizadora do Randomtrip, é mais de seguir receitas do que criá-las. Adora fotografia e, aliás, se reparar nas fotos do blog verá que ele não aparece muito, e é precisamente porque é ele quem está por trás da câmara. Quem o conhece sabe que é a boa onda em pessoa, raramente se chateia e está sempre a pensar em viajar e de uma determinada forma: deixando sempre espaço para a improvisação, para as descobertas e planos espontâneos, para se perder um pouco.

Viciado em tecnologia e engenheiro informático de formação, adora tudo o que tem a ver com gadgets, internet e novas tecnologias, e aplica esta paixão tanto no seu trabalho como SEO como na sua vida pessoal; desde apps de viagem a fotografia, restaurantes para experimentar, lugares para visitar e até este blog!

Siga o Chris no: Twitter, Facebook, Instagram

Como nasceu o RandomTrip?

O RandomTrip surgiu da nossa paixão e curiosidade pelo Mundo e por viajar de uma certa forma. Para além de tentar viajar de forma responsável e sustentável, priorizamos o imprevisto ao planificado, o tuktuk ao carro, a demorar mais horas e perder-nos nos pormenores do que a cumprir o idealizado num caderno. Gostamos do imprevisto, do inesperado, do súbito, do “deixar-nos levar”. Se em algum momento surge a indecisão onde ir ou o que fazer, atiramos o nosso dado “Dadondevamos” e o nosso guia passa a ser ele. Assim nasceu o RandomTrip.

Felices en Cerro Brujo
Felizes em Cerro Brujo, nas Ilhas Galápagos

Acompanha-nos nesta viagem?

A planear uma viagem? Nós ajudamos!