Setúbal esconde praias de sonho onde vivem golfinhos, uma rica gastronomia (é a capital portuguesa do peixe grelhado) e uma bela cidade antiga onde se pode passear ao fim do dia. Não são estas as variáveis que a maioria das pessoas procura para umas férias de uma semana?

Para o Randomtrip, Setúbal é também uma cidade especial: foi onde a Inês nasceu e onde viveu os primeiros anos da sua vida. Sempre que pode, volta a casa da sua mãe, a uma das suas praias preferidas no mundo e à serra onde cresceu, a Serra da Arrábida.

Este guia é escrito por uma Setubalense que adora perder-se e sentir-se como uma turista na sua terra natal. Aqui encontrará as melhores praias para nadar, os melhores restaurantes onde pode comer bom peixe grelhado, provar o choco frito e os melhores alojamentos onde ficar na jóia do rio Sado.

Guia atualizado em Agosto de 2022 para incluir as últimas informações sobre restrições de acesso de carro às praias da Arrábida e um mapa novo com as restrições e os estacionamentos para as praias da Arrábida

A Inês na sua praia, onde vem recarregar energias sempre que precisa, a Praia do Creiro
A Inês na sua praia, onde vem recarregar energias sempre que precisa, a Praia do Creiro

Conteúdos

Informação prática para visitar Setúbal

A menos de uma hora de Lisboa, Setúbal situa-se num cenário privilegiado, entre o parque natural da Arrábida com as suas enseadas paradisíacas e o estuário do rio Sado com os seus golfinhos e a sua biodiversidade, ideal para a observação de aves. O estuário separa-a da península de Tróia, também conhecida pelas suas incríveis praias de águas frias: embora possam parecer águas das Caraíbas, não se esqueça que está em Portugal. Para além das magníficas praias, é também conhecida pelos seus bons restaurantes de peixe grelhado e pela sua especialidade de choco frito, razões que lhe valeram um lugar especial no mapa turístico português nos últimos anos.

Moeda: Euro

Idioma: Português

População: 123.519 (em 2021)

Orçamento diário: A partir de 60 euros/dia por pessoa (aprox.) para uma viagem de uma semana. Mais informações sobre o orçamento aqui.

Clima: O clima varia nos meses de Verão (Min 18º Máx 30º) e Inverno (Min 7º Máx 18º), sendo o mais recomendado entre Maio e Setembro para desfrutar das praias. Saiba mais sobre quando ir aqui.

Alojamento: A melhor área para ficar em Setúbal é perto da Avenida Luísa Todi, o seu eixo central. Desta forma estará perto do centro histórico com os seus restaurantes e esplanadas, as praias da Arrábida e o ferry para atravessar para Tróia. Recomendamos alguns lugares onde dormir aqui.

Duração: Mínimo um fim-de-semana. Ideal 1 semana para desfrutar das praias e arredores.

Voos: Há muitos voos para Lisboa, o aeroporto mais próximo de Setúbal. Recomendamos que utilize comparadores de voo como o Skyscanner e oKiwi e que seja flexível com as suas datas. Dizemos-lhe como chegar a Setúbal de carro ou de transporte público a partir de Lisboa. aqui.

Transporte: A melhor opção é alugar carro para circular livremente, embora se possa facilmente deslocar a pé pela cidade e alcançar as praias mais isoladas da Serra da Arrábida através de uma mistura de transportes públicos e caminhada. Mais informações aqui.

Playa de Creiro desde mirador de la Serra da Arrábida
A incrível Praia do Creiro vista de um dos miradouros da Serra da Arrábida.

Quando ir a Setúbal: meses de praia

Setúbal é uma cidade de praia, isto é inegável. Portanto, os melhores meses para visitar são quando o tempo está suficientemente bom para ir à praia, de maio a setembro, sendo o pico entre julho e agosto.

Nos meses de Outono e Inverno, entre outubro e março, as temperaturas são geralmente inferiores a 18ºC, com um mínimo de 7ºC à noite e um máximo de 18ºC durante o dia (embora não seja invulgar ser surpreendido por algumas tardes mais quentes no Outono). O mês mais frio é janeiro.

Durante os meses de Primavera e Verão, entre abril e setembro, as temperaturas variam de 22º em abril a uma temperatura média de 27º a partir de junho. A temperatura mínima não costuma descer abaixo dos 18º. Há dias em julho e agosto em que o termómetro pode atingir 30º ou mais. À noite, mesmo no auge do Verão, há sempre uma brisa fresca do mar, pelo que é aconselhável trazer um “agasalho” para as noites de Verão de Setúbal.

Inês y Chris felices en playa de Creiro
Inês e Chris felizes na praia de Creiro

Uma das melhores actividades que pode fazer em Setúbal é conhecer os famosos roazes do Estuário do Sado em liberdade com este passeio de avistamento de golfinhos! Reserve aquí

Quantos dias passar em Setúbal

Se planeia ir a Setúbal para um fim-de-semana longo, não se arrependerá. Mas se quiser desfrutar das praias e das aldeias circundantes, o ideal seria ir durante 5 ou mais dias. Por isso recomendamos que passe pelo menos 3 dias, e idealmente uma semana.

Descansando en el Fuerte de San Filipe, en Setúbal
Repouso no Forte de São Filipe em Setúbal

O que visitar em Setúbal

Não é só praias que vive Setúbal, embora elas sejam a sua principal atração. Após um bom banho, há uma bela cidade antiga onde passear, vida selvagem estuarina para observar e aldeias interiores próximas, onde poderá desfrutar de uma boa degustação dos vinhos da região. Aqui está uma lista de tudo o que pode fazer e compreenderá que, apenas numa semana não conseguirá fazer tudo.

Mapa de Setúbal

Aqui pode ver um mapa Google Maps com todos os lugares recomendados neste guia: praias, aldeias, restaurantes… Ao clicar no canto superior esquerdo pode ver a legenda, e pode levar o mapa consigo no seu smartphone, com Google Maps, para ser útil durante a sua viagem a Setúbal.

As melhores praias de Setúbal e da Serra da Arrábida

Aqui está uma lista com descrições e fotografias das praias da Arrábida, para que possa escolher qual visitar e desfrutar em cada dia. Fizemos uma lista por ordem a partir de Setúbal e, na nossa opinião, ficam cada vez melhores à medida que nos afastamos da cidade, por isso recomendamos-lhe que vá até ao fim…

Durante os meses de Verão (15 de junho a 15 de setembro) existem restrições à circulação de automóveis e estacionamento em parte da Serra da Arrábida (parque natural). Dizemos-lhe mais aqui.

Inês llegando a su playa favorita del Mundo: Creiro, en Arrábida (Setúbal, Portugal). Casa.

Praia de Albarquel

Começamos com a praia de Albarquel, que tem a grande vantagem de ser facilmente acessível, a pé, a partir do centro de Setúbal. É a primeira praia que encontrará ao entrar na Serra da Arrábida, tem uma grande extensão arenosa e, embora não seja uma das nossas favoritas na serra, já se pode vislumbrar a cor da água que a Arrábida promete.

La playa de Albarquel desde el mirador de Albarquel con la península de Troia en frente
Praia de Albarquel do ponto de vista de Albarquel com a península de Tróia à sua frente.
A la playa de Albarquel podrás llegar caminando desde la ciudad (o en bicicleta)
A praia de Albarquel pode ser alcançada a pé, a partir da cidade (ou de bicicleta).

No percurso entre a praia de Albarquel e a praia da Figueirinha, passará por vários locais cheios de curiosidades que lhe contamos abaixo, na secção Curiosidades da Serra da Arrábida.

Praia da Figueirinha

Chegamos à praia da Figueirinha, a praia mais familiar da Arrábida, que nos transporta às memórias de infância e há de muitos setubalenses: costumávamos vir aqui de manhã com os campos de férias ou os centros de tempos livres. Ressaltamos, que ainda hoje é assim, por isso não se surpreenda que durante a semana, no verão, grupos de crianças vestidas com cores diferentes inundem o areal e a água ao mesmo tempo. Aos fins-de-semana acontece a mesma coisa, mas com as suas famílias.

La playa de Figueirinha
Praia da Figueirinha

Tem muito bom acesso, estacionamento (pago, no verão), chuveiros, cafés, segurança e a água é normalmente um par de graus mais quente do que nas próximas praias da serra. A grande extensão de areia (a maior da zona), o mar calmo e uma pequena área onde as árvores o convidam a usar a sua sombra e fazer piqueniques familiares, completam o cenário ideal. Em suma, uma praia ideal que satisfaz com todos os requisitos para as famílias com crianças.

Llegando a la playa de Figueirinha desde la Sierra de Arrábida
Chegada à praia da Figueirinha, antes do túnel, a partir da serra da Arrábida
Vete con atención ya que los tuneles que te encontrarás en la Sierra de Arrábida para llegar a Figuerinha ¡tiene arte por dentro!
Preste atenção, porque os túneis que encontrará na Serra da Arrábida para chegar a Figueirinha têm arte lá dentro!

Praia de Galapos

Aqui começamos a chegar às praias de “bilhete postal” da Serra da Arrábida, em Setúbal. Descendo as escadas que nos levam à Praia de Galapos encontramos uma enseada protegida do vento graças à cordilheira, uma cor tão turquesa da água e areia fina e branca que nos faz sentir que estamos fora de Portugal, nas praias das Galápagos, mas a frescura sentida quando entramos na água, lembra-nos rapidamente onde estamos.

La playa de Galápos en Primavera
Praia de Galapos na Primavera

É aconselhável trazer óculos de mergulho, uma vez que é fácil avistar espécies marinhas nas águas cristalinas da Arrábida. Não é uma praia onde se possa desfrutar da cordilheira em solidão, ser vigiada torna-a muito apelativa para muitas pessoas. Mas o facto de não ter estacionamento e o acesso implicar descer várias escadas, inibe mais pessoas do que a Figueirinha. Durante o Verão, devido a restrições de tráfego, não é possível chegar de carro.

La playa de Galápos
Praia de Galapos no Verão

Praia de Galapinhos

Mesmo ao lado da praia de Galapos, chegamos à praia que foi eleita a melhor praia da Europa em 2017 pelo website europeu dos Melhores Destinos: a praia de Galapinhos. Tem a mesma proteção contra o vento que a sua vizinha e as mesmas águas cristalinas, mas como o acesso não é por escadas mas por um caminho de terra com alguma inclinação, é menos concorrida (na maré baixa, pode caminhar entre as duas praias, mas com cuidado). O cenário é incrível e convida-o a dar um mergulho (quase sempre frio, claro).

Tal como na anterior, durante o Verão, devido a restrições de tráfego, não é possível chegar de carro.

Galapinhos fue considerada la mejor playa de Europa en el 2017 por European Best Destinations
Galapinhos foi considerada a melhor praia da Europa em 2017 pelos Melhores Destinos Europeus.
Galapinhos y Galápos, al fondo
Galapinhos e Galapos, no fundo

Praia dos Coelhos

Embora não seja exatamente um segredo, a Praia dos Coelhos é a praia mais selvagem da costa e nunca está muito cheia. Talvez isso se deva ao facto das sinalizações não serem muito claras: na estrada, depois de Galapinhos há uma placa a pedir-lhe para não deixar lixo, que marca o início da íngreme caminhada de 10 minutos. À chegada, aguarda-o um pedaço de paraíso em forma de concha, de areia fina rodeada de verde e águas límpidas. Não há vigilância ou estacionamento, mas é garantido o seu desfrute em paz. Na maré baixa pode caminhar até às enseadas de Anicha e Monte Branco e até à praia do Creiro.

Tal como na anterior, durante o Verão, devido a restrições de tráfego, não é possível chegar de carro.

Enseadas de Anicha e Monte Branco

Estas enseadas de águas claras com pequenas praias de areia entrecortadas por rochas, situam-se entre Coelhos e Creiro e são ideais para aqueles que procuram a solidão. Mesmo em frente, a emblemática “Pedra da Anicha”, a ilhota de 40 metros de comprimento considerada uma reserva zoológica, que se ergue no meio do mar, dando à costa da Arrábida mais personalidade. Aqui o mergulho é comum, por isso se gosta de mergulhar, sabe onde há muita biodiversidade.

La Pedra da Anicha, ou Anixa
A Pedra da Anicha, ou Anixa
Una gaviota frente a la Pedra de Anicha (o Pedra da Anixa)
Uma gaivota em frente à Pedra de Anicha (ou Pedra da Anixa)

Praia do Creiro

A nossa praia de eleição na Arrábida, onde a Inês regressa sempre que pode para recarregar as suas baterias em qualquer altura do ano: é a praia de Creiro. Não é uma das mais selvagens, longe disso, mas a sua longa extensão de areia com pequenas enseadas à esquerda, o Portinho da Arrábida à direita onde se pode almoçar (que se pode alcançar a pé, por um caminho curto) e a “Pedra da Anicha” à sua frente dão-lhe um encanto especial. Tem estacionamento (4 euros por veículo, durante todo o dia, embora se encha rapidamente, especialmente aos fins-de-semana e feriados), segurança e um restaurante mesmo na praia, o que a torna um das mais movimentadas da serra. Não existem casas-de-banho, mas o restaurante permite a utilização dos seus sanitários com um consumo mínimo.

Sendero de Creiro hasta Portinho da Arrábida
Trilho desde Creiro até Portinho da Arrábida

Reserve o seu tour de caiaque no Creiro ou Snorkel e Paddle Surf (SUP) no Creiro.

Portinho da Arrábida

Podemos dizer que esta pequena aldeia piscatória é “o” postal da Arrábida: uma baía rodeada pelo verde das montanhas, uma longa praia de areias brancas e infinitos tons de azul na água. A praia do Portinho de Arrábida é tão bonita que em 2010 foi considerada uma das Sete Maravilhas de Portugal.

Há tanta biodiversidade aqui, que o mergulho é comum, mas cuidado! A pesca submarina é proibida porque o fundo do mar aqui é também uma Reserva Natural, e graças a Deus por isso! Se quiser apreciar um bom peixe grelhado, há um par de restaurantes ao lado da meia dúzia de alojamentos na aldeia, dizemos-lhe mais na secção Restaurantes que recomendamos em Setúbal . Embora temporariamente encerrado no momento da redação deste post, existe o Museu Oceanográfico (no antigo Forte de Santa Maria de Arrábida) onde a coleção é constituída por várias espécies marinhas da reserva natural.

Reserve snorkel no Portinho da Arrábida aqui

Praia dos Pilotos

Nem sempre é possível desfrutar desta praia, uma vez que desaparece na maré cheia. É verdade, para desfrutar desta pequena enseada em paz e sossego tem de ir à Praia deos Pilotos na maré baixa. Para lá chegar tem de descer as escadas depois do portão de ferro antes do Forte de Santa Maria de Arrábida, mesmo antes do Portinho de Arrábida.

Praia de Alpertuche

A praia de Alpertuche é uma praia muito pequena que, como a anterior, deve ser visitada na maré baixa, pois na maré alta a zona arenosa desaparece. Mesmo assim, vale bem a pena uma visita. Está protegida pelo verde das montanhas e embora não tenha muita areia, é bela com a luz a refletir nas pedras molhadas esculpidas pelo mar.Para lá chegar, o acesso é por um caminho de terra batida a 100 metros do cruzamento para virar para Portinho de Arrábida na estrada (antes do Museu Hidrográfico), como referência há uma casa senhorial em ruínas. A construção na Serra da Arrábida foi proibida em 1976.

Praia dos Penedos

Na Arrábida, a caminho de Sesimbra (de que falaremos mais tarde) fica a Praia dos Penedos, também conhecida como Praia do Inferno. Embora de inferno não tenha nada. Nesta pequena enseada com extensão razoável de areia, chegou ao paraíso.

Passeios pela Serra da Arrábida: de carro, de barco ou a pé

Se não lhe apetecer caminhar, recomendamos que contorne a serra, de carro ou de mota e contemple as paisagens que ela nos oferece ao longo de 25 quilómetros, intercaladas pelo mar, parando nos miradouros das Antenas, Norte, Portinho da Arrábida ou Convento.

Este último, é o nosso miradouro preferido, o do belo Convento de Nossa Senhora da Arrábida , um antigo refúgio de frades franciscanos fundado em 1542 (se o quiser visitar, ligue +351212197628).

Para fazer esta rota, tenha em mente as restrições de tráfego na Serra, durante o verão (de que falaremos no próximo ponto). É possível aceder a estes miradouros (no verão), bastando para tal utilizar a estrada mais interior da serra. A maneira mais fácil é abrir o nosso mapa ou os links do Google Maps nos parágrafos anteriores para ver o percurso para lá chegar.

Convento Nossa Senhora da Arrábida, en Serra da Arrábida
Convento de Nossa Senhora da Arrábida na Serra da Arrábida

Se preferir passeios marítimos, o ideal é a actividade de avistamento de golfinhos na Reserva natural do Estuário do Sado (reserve aquí). Se preferir. também poderá passear de barco com o por-do-sol (com degustação de ostras incluida). Tem ainda a possibilidade de observar mais de 250 espécies de aves que sobrevoam esta reserva natural (incluindo flamingos!), contratando este passeio de avistamento de aves.

Reservar avistamento de golfinhos, avistamento de aves ou passeio ao pôr-do-sol com degustação de ostras.

Pasear en coche por Arrábida ya es un imprescindible en si mismo
Um passeio na serra da Arrábida é uma obrigação em si mesmo.

Se gosta de se perder na natureza a pé, existem vários trilhos para caminhadas que o levarão às profundezas da Serra de São Luis. Destacamos o trilho pela “Serra de São Luis” (8 kms), os “Moinhos” (13 kms) ou a “Serra de São Filipe” (5 kms).

Para conhecer a rede de trilhos existente, aproveite a sua visita ao Forte de São Filipe ou à Casa da Baía na Baixa de Setúbal (ver abaixo), onde poderá conhecer estes e outros tipos de turismo de aventura na região. Também no“Ecoparque de Caravanas de Outão”, no caminho de Albarquel para Figueirinha antes da fábrica de cimento da Secil, pode obter informações sobre estes trilhos pedestres na Serra da Arrábida.

Una antigua base de parapente hecha mirador donde hacer fotos muy locas en la Serra da Arrábida (Setúbal, Portugal)
Uma antiga base de parapente transformada num miradouro onde se podem tirar fotografias loucas na Serra da Arrábida (Setúbal, Portugal).

Aqui está mais informação sobre percursos pedestres na Arrábida

Se optar por fazer uma destas rotas através da serra, não se esqueça de seguir sempre o caminho assinalado e de proteger e respeitar a fauna e flora com que se depara, pois trata-se de um parque natural. Nesta secção damos-lhe algumas sugestões e recomendações.

Se estiver em Lisboa, pode também reservar esta viagem de um dia à Arrábida, diretamente, que inclui visitas aos miradouros (da Serra da Arrábida e do Castelo de Palmela), banho na praia do Portinho da Arrábida, almoço na bela Sesimbra (sobre a qual também lhe falaremos mais tarde) e prova de vinhos em Azeitão e Palmela. Antes de regressar a Lisboa, terá direito a uma última paragem no Cristo Rei para apreciar as vistas do Tejo, Lisboa e da ponte 25 de Abril. Reserve uma viagem de um dia à Arrábida aqui.

Restrições de tráfego na Arrábida no Verão

ADVERTÊNCIA! Se visitar Setúbal e as suas praias no verão, o programa “Arrábida sem carros” implementou um plano que limita a circulação e estacionamento de carros entre meados de junho e meados de setembro, em parte da Serra da Arrábida: entre a Praia da Figueirinha e a Praia do Creiro (entre o segundo túnel da Figueirinha e o parque de estacionamento do Creiro) entre as 07h e as 20h. O tráfego também é restrito nas mesmas datas entre a curta estrada da “Casa do Gaiato” na Arrábida e “Portinho da Arrábida” entre as 07h e as 19h assim como o acesso à Praia de Albarquel entre as 07h e as 20h.

Basicamente durante estes meses con restrições ao tráfego, não poderá chegar de carro às praias de Albarquel, Galápos, Galapinhos e Coelhos, nem ao Portinho da Arrábida. Pelo contrário, é possível chegar de carro à praia da Figueirinha, praia do Creiro e às praias a seguir ao Creiro (mas os estacionamentos enchem muito cedo, pelo que quanto antes chegar, melhor!).

Atualização de junho de 2022: já foram publicadas as regras de acesso às praias da Serra da Arrábida para o verão de 2022, onde a circulação de viaturas é limitada nos troços indicados acima entre 18 de junho de 2022 e 18 de setembro de 2022. Pode ver a informação oficial no site da Câmara Municipal de Setúbal.

Aqui tem um mapa onde o pode visualizar mais facilmente. Os dois troços a vermelho são os que estão fechados durante o Verão, mas pode usar todo o resto (se quiser ir de Setúbal a Creiro, terá de percorrer a estrada interior (a que tem os miradouros) e depois voltar ao longo da estrada para as praias, até ao ponto onde está fechada, e que pode descer até ao parque de estacionamento):

Neste mapa criado por nós tem uma esquematização mais simples (pendente de actualização):

Descarregar o mapa em resolução mais alta aqui

Isto significa que para chegar às praias de Galapinhos, Galapos e Coelhos que se encontram entre estes extremos, nestas datas, tem 5 opções:

  • Levante-se cedo e estacione o seu carro no parque de Figueirinha ou Creiro, muito cedo, pela manhã para encontrar um espaço (às 10 da manhã no Verão não há normalmente espaço em nenhum dos dois parques de estacionamento). Mais informações sobre onde estacionar na secção seguinte. Depois, pode ficar em Figueirinha ou Creiro ou caminhar até Galapinhos, Galapos e Coelhos.
  • Deixe o seu carro em Setúbal ou SECIL (opção não disponível em 2022) e apanhe o autocarro que sai de Setúbal e vai desde Figueirinha até Creiro e volta, parando nas praias de Galapos e Galapinhos (desça aqui se quiser ir a pé até à praia dos Coelhos). Estes autocarros circulam a cada 20 minutos entre as 08h e as 20h e custam 4,15 euros ida e volta (descontos para crianças menores de 12 anos).
  • Motos, não há limitações para motos, apenas para automóveis.
  • Ir em taxi / Uber ou semelhantes dado que são considerados transporte de passageiros e podem circular pelas estradas com restrições nos meses de verão para deixar ou ir buscar veraneantes.
  • Andar a pé ou de bicicleta: ganhar o mergulho com o esforço das suas pernas
Parada de Autobús en playa de Figuerinha
Paragem de autocarro na praia de Figuerinha
Inês en nuestra "Randombike": la moto que alquilamos durante los meses de verano para poder andar libremente por Arrábida
Inês na nossa “Randombike”: a mota que alugámos durante os meses de Verão para podermos circular livremente na Arrábida.

Estacionamento na Arrábida: preços, parques de estacionamento e restrições no Verão

Embora até alguns anos atrás, especialmente no Verão, os carros estacionassem nas margens da estrada que percorre as praias (o que levou às limitações que acabámos de mencionar), o estacionamento na Arrábida é limitado no Verão aos seguintes locais:

  • Parque de estacionamento da SECIL (NÃO DISPONÍVEL EM 2022): gratuito, 180 lugares. Partem daqui, autocarros para as praias
  • Parque de estacionamento Figueirinha: a pagar, 230 lugares. O preço é por hora, meio dia ou dia inteiro, e varia de acordo com o mês.
Precios parking Figueirinha 2020
Informação oficial actualizada em 2020
  • Parque de estacionamento Creiro: pago, 200 lugares. Tem alguns perto da praia (ao fundo da estrada) e os restantes (a maioria deles) junto à estrada principal. O preço é de 4 euros, independentemente da hora ou do dia.

Pode encontrá-los todos no mapa interativo, acima, mas aqui está uma imagem de ecrã para o caso de querer localizá-los mais rapidamente:

Mapa con parkings en Arrábida en verano

Estes parques de estacionamento, no verão, tendem a encher, especialmente nos feriados e fins-de-semana. Por isso, se estiver a visitar estas praias incríveis num domingo, é melhor levantar-se cedo para encontrar lugar para estacionar. Pode descobrir quantos lugares de estacionamento estão disponíveis em tempo real nos parques de estacionamento da SECIL e Figueirinha com a app oficial das Praias da Arrábida (apenas Android). E, como lhe comentámos no ponto anterior, se não quiser utilizar carro, tem transporte de vários sítios da cidade onde pode também deixar o carro.

App Praias da arrábida
Esta app permite-lhe ver em tempo real o número de lugares de estacionamento disponíveis nos parques de Figueirinha e SECIL.

Centro da cidade e Baixa de Setúbal: praças, museus, mercados e miradouros

No centro de Setúbal há uma mistura de lojas tradicionais (infelizmente cada vez menos) e lojas modernas nas suas ruas estreitas com o cheiro, sabor e decoração do mar, ou Setúbal não seria uma cidade piscatória. (as vezes alteram as decorações…)

La colorida "Baixa" de Setúbal
A “Baixa” colorida de Setúbal

Dos bairros pitorescos de Troino (a freguesia mais antiga da cidade) às Fontainhas (com as suas esplanadas de peixe grelhado), passando pela artéria principal da cidade, a longa Avenida Luisa Todi e o coração, na Praça do Bocage, a “Baixa de Setúbal” é ideal para um passeio ao pôr-do-sol, depois de um dia de praia. Aqui está uma lista do que não se pode perder, embora o melhor que pode fazer é simplesmente isso, perder-se aqui:

Praça do Bocage

A praça que é o centro nevrálgico da cidade, presta homenagem ao poeta Setubalense Manuel Maria Barbosa du Bocage, cuja estátua preside desde o seu pedestal, ao entrançado de ruas estreitas que aqui embocam, numa praça de calçada portuguesa com jardins, onde se pode apreciar um bom vinho Moscatel de Setúbal numa das suas esplanadas.

Para além das esplanadas, nesta praça encontra-se a Igreja de São Julião (em estilo barroco, reconstruída após o terramoto de 1755), o edifício da Câmara Municipal de Setúbal (onde se encontra o posto de turismo) e a Casa da Cultura , espaço que acolhe vários eventos artísticos e exposições (pode ver o programa aqui).

No final da praça, Bocage é observado pela sua ninfa, a sua musa: Marília, sentada numa fonte à sua frente.

La estatua de Marília, la musa de Bocage, en una extremo de donde de encuentra la estatua del poeta sadino, mirándole.
A estátua de Marília, musa de Bocage, no extremo oposto à estátua do poeta sadino, olhando para ele.

Avenida Luisa Todi (ou Luiza Todi)

A artéria principal de Setúbal tem o nome em honra da cantora lírica: Luisa Todi, famosa mezzo-soprano portuguesa. É nesta avenida que encontrará vários restaurantes que servem peixe grelhado e choco frito (os famosos Leo do Petisco e Casa de Santiago), a bela Casa da Baía (um centro de promoção turística), o mercado do Livramento (um dos melhores mercados do mundo segundo o USA Today), o Fórum Municipal Luisa Todi (onde se assistem a concertos e peças de teatro), o Auditório José Afonso, lojas e museus (sobre os quais falaremos mais tarde).

La avenida Luisa Todi se compone de dos carriles de cada lado y en el medio un largo paseo de la bella calzada portuguesa con alguna terraza
A Avenida Luisa Todi consiste em duas pistas para automóveis de cada lado e, no meio, um longo passeio de belo calçadão português com algumas esplanadas.

O mural “O Rapaz dos Passarinhos”, no auditório José Afonso, é já um ícone da Avenida Luísa Todi. Baseia-se numa fotografia dos anos 30, de um rapaz que vendia pássaros (e que felizmente conseguiu ver “o seu” mural vivo, do alto dos seus 90 anos). A fotografia foi tirada por Américo, o conhecido fotógrafo Setubalense que melhor capturou Setúbal e cujas fotografias se podem ver no Arquivo Fotográfico na Casa Bocage.

"O Rapaz dos Passarinhos” (El Chico de los Pajaritos) del artista Odeith
“O Rapaz dos Passarinhos” (The Bird Boy) do artista Odeith

Na Casa da Baía, uma antiga casa restaurada do século XVIII que chama a sua atenção enquanto passeia pela Avenida Luisa Todi, pode obter informações turísticas sobre a cidade: por exemplo, aqui lhe dirão mais sobre atividades e passeios que pode fazer na Serra da Arrábida.

Aqui pode também visitar o Centro Interpretativo do Roaz do Estuário de Sado, desfrutar do seu restaurante acolhedor ou comprar uma lembrança na loja gourmet que vende produtos regionais. Durante o verão, tem uma agenda muito animada, as Noites da Baía!

La entrada a Casa da Baía en Avenida Luisa Todi
A entrada para a Casa da Baía na Avenida Luisa Todi

Horário de abertura da Casa da Baía: Segunda a Domingo das 09:00h às 23:45h.

Horário de abertura do Centro Interpretativo do Roaz do Estuário de Sado: Segunda a Domingo das 09:30 às 20:00. Entrada gratuita.

É também no final da Avenida Luisa Todi que se sobe até à Serra da Arrábida e suas praias e é aqui que vos recomendamos que fiquem, informamo-vos sobre isso na secção Onde ficar em Setúbal.

Mercado do Livramento

Não é coincidência que em 2016 “USA Today” o tenha nomeado como um dos melhores mercados do mundo, juntamente com um em Tóquio e outro em Brooklyn. Este belo mercado, com mais de 140 anos de existência e mais de 300 bancas (marisco e peixe fresco, pão, queijos Serra da Arrábida, fruta e legumes) é ideal para a compra de produtos locais. Encontra-se na Avenida Luisa Todi.

O painel de azulejos novecentista do mercado tem mais de 5.000 peças e foi recentemente restaurado:

Horário de abertura: terça-feira a domingo das 07:00 às 14:00. Encerra às segundas-feiras e feriados públicos.

É precisamente no Mercado do Livramento que se encontra o ponto de encontro para a actividade de avistamento de aves na Reserva Natural do Estuário do Sado.

Largo da Ribeira Velha

O Largo da Ribeira Velha (como o Largo Dr. Francisco Soveral é conhecido localmente) é uma praça, com vários restaurantes e esplanadas de edifícios coloridos, que é normalmente muito animada, especialmente no verão.

La plaza de Largo do Dr. Francisco Soveral en Setúbal, con conciertos al aire libre, en verano
Largo da Ribeira Velha em Setúbal, com concertos ao ar livre, no Verão
Escultura de "El Viajero" a la entrada del Largo do Dr. Francisco Soveral
Escultura de “O Viajante” na entrada do Largo da Ribeira Velha, a partir da Avenida Luisa Todi

Convento de Jesus

Uma das pérolas arquitetónicas de Setúbal, o Convento de Jesus, foi construído em 1491. A obra, dirigida por Diogo de Boitaca (se já esteve em Lisboa pode estar familiarizado com este nome pois é um dos mestres que dirigiu a construção do impressionante Mosteiro dos Jerónimos) e é um dos primeiros exemplos do estilo manuelino português. O seu interior merece uma visita para ver o seu incrível claustro e as colunas em espiral em forma de corda feitas de mármore Arrábida.

O Convento de Jesus em Setúbal. Foto do Público

A praia da cidade: Praia da Saúde

Se quiser dar um mergulho sem sair do centro de Setúbal, existe uma praia mesmo no centro da cidade, a “Praia da Saúde“. Embora não tenha comparação com as da Serra da Arrábida, mas ideal para aqueles que não podem ou não querem subir à serra nesse dia.

"Praia da Saúde": la playa de la ciudad
“Praia da Saúde”: a praia da cidade com o ferryboat a ir para Tróia ao fundo.

A Praia da Saúde é um dos pontos de encontro para a actividade de avistamento de golfinhos no Estuário do Sado.

Porto e calçada

Setúbal foi e é também um importante porto (por um lado de pesca, por outro de navios de carga e de ferrys) para a economia portuguesa. É precisamente o porto de pesca de Setúbal (e todas as pessoas que o compõem) que é responsável pelo facto de a cidade se ter tornado a capital portuguesa do peixe fresco grelhado. Bem, isso e a técnica dos grelhadores de peixe de Setúbal, alguns dos quais são também pescadores.

El Puerto de Setúbal
O Porto de Setúbal

Caminhar pelo passeio marítimo de Setúbal é um grande plano em si, ouvindo as gaivotas ou os banhistas que regressam de Tróia.

Escultura de pescador a orillas del Sado
Escultura de um pescador nas margens do rio Sado
La Avenida José Mourinho, nombrada en homenaje al famoso entrenador setubalense de fútbol, está salpicada por delfines y restaurantes de pescado a la brasa con terraza con vistas al río Sado
A Avenida José Mourinho, com o nome do famoso treinador de futebol de Setúbal, está repleta de golfinhos e restaurantes de peixe grelhado com esplanadas com vista para o rio Sado.

Miradouros

Miradouro de São Sebastião

Vale a pena sair da Avenida Luisa Todi para subir até ao miradouro de São Sebastião, um dos mais belos miradouros da cidade: daqui pode ver-se a cidade banhada pelo rio Sado até à península de Tróia. Pode passar o tempo que quiser a tirar fotografias neste miradouro, sombreado pelas árvores.

El mirador de São Sebastião está revestido de azulejos portugueses
O miradouro de São Sebastião é revestido com azulejos portugueses.

Se depois das vistas, quiser um plano cultural, ao lado está o Museu do Trabalho e muito próximo, a Casa de Bocage e Arquivo Fotográfico Américo Ribeiro, uma galeria na casa do poeta onde se podem ver algumas fotografias do fotógrafo mais importante de Setúbal (mais informações na secção seguinte sobre Museus).

Las vistas del mirador son impresionantes
As vistas do miradouro são de cortar a respiração

Jardim Multissensorial das Energias (Jardim Multissensorial das Energias)

Se já esteve no miradouro de São Sebastião para apreciar as vistas, aproveite para descer até às Fontaínhas e visitar o Jardim Multisensorial das Energias (a cerca de 10 minutos a pé do miradouro), onde também terá belas vistas de Setúbal.

Este jardim é um projecto educativo que procura sensibilizar as crianças (e não só) sobre a importância das energias renováveis e da eficiência energética. Para tal, possui seis dispositivos (cada um representa uma energia renovável – biomassa, geotérmica, oceânica, solar, hídrica e eólica) que estimulam os sentidos (através da cor, aromas, texturas e sons) de quem passa. Além disso, a energia consumida neste jardim é totalmente renovável e produzida ali mesmo, graças a uma central eólica que instalaram. Um lugar ideal para ir com as crianças!

Inês bajando el Jardim Multissensorial das Energias con su sobrina Aidita
A Inês a descer o Jardim Multissensorial das Energias com a sua sobrinha Aidita

Forte de São Filipe

Uma obrigatoriedade em Setúbal, é subir até à fortaleza do Castelo de São Filipe e desfrutar do que na nossa opinião, são as vistas mais incríveis da cidade. A baía de Setúbal em todo o seu esplendor e a imensidão do azul até se perder de vista.

A capela dentro da fortaleza é bela, toda coberta de azulejos azuis e brancos, e embora a Pousada do Forte esteja fechada na altura em que escrevo, a esplanada está aberta, tornando-a um local privilegiado para desfrutar uma bebida. A fortaleza de S. Filipe foi classificada como Monumento Nacional em 1933.

Nuestra família casi al completo (falta el padre de Inês y Eduarda). Si te fijas arriba ves la terraza donde tomar algo en el Fuerte de San Filipe
A nossa família galego-portuguesa quase completa no Forte de São Filipe (falta Manuel, o pai de Inês, e a Eduarda que só chegaram mais tarde e a Lúcia, que ainda não tinha nascido,. O Chris está a tirar a fotografia). Se olhar para cima à direita pode ver a esplanada da Pousada onde pode tomar uma bebida. Em frente, a península de Tróia.

Museus de Setúbal

Se desejar um plano mais cultural, sugerimos sete museus na cidade Sadina:

  • Museu de Arqueologia e Etnografia

Museu dedicado aos achados arqueológicos na região de Setúbal desde o período Paleolítico até ao período Romano. Tem também uma secção dedicada à etnografia regional sobre tradições, pesca artesanal, agricultura, criação de gado, construção naval, tecelagem e arte popular. A sua biblioteca bem documentada inclui mais de 10.000 volumes sobre a região Sadina.

Horário de abertura: terça-feira a sábado das 09:00 às 12:30 e das 14:00 às 17:30. Encerra aos domingos, segundas e sábados em agosto. A entrada é gratuita.

Museo de Arqueología y Etnografía de Setúbal. Foto de turismoenportugal.org
Museu de Arqueologia e Etnografia de Setúbal. Foto por turismoenportugal.org
  • Casa d’Avenida

A Casa d’Avenida é um espaço de produção e divulgação artística. Com uma arquitetura pombalina e uma varanda com vista para o rio Sado, a sua intenção é tornar visíveis também artistas novos, acolher espetáculos, festas, concertos e recitais de poesia. Inclui uma galeria de arte e cafetaria.

Horário de abertura: de segunda-feira a domingo das 09:00 às 20:00. Entrada gratuita. Verifique os eventos no seu facebook.

  • Galeria Municipal do Banco de Portugal

Desde 2013, quando foi recuperado e adaptado, que funciona como uma galeria municipal e acolhe eventos culturais, principalmente exposições. O belo edifício de Arnaldo Adães Bermudes tem influências art nouveau e foi a representação do Banco de Portugal em Setúbal entre 1917 e 1994. Aqui é possível ver de perto algumas das obras dos maiores pintores portugueses.

Horário de abertura: terça-feira a sexta-feira das 11:00 às 14:00 e das 15:00 às 18:00. Aos sábados, das 11:00 às 13:00 h e das 14:00 às 18:00 h. Domingos abertos durante a tarde. Encerra às segundas-feiras e feriados públicos. Preço 1,50 euros/pessoa.

Galeria Municipal del Banco de Portugal. Foto de mun-setubal.pt
Galeria Municipal do Banco de Portugal. Foto por mun-setubal.pt
  • Casa da Cultura

No coração da Praça do Bocage, a praça central da cidade, este centro acolhe uma variedade de eventos culturais, incluindo exposições, lançamentos de livros, debates e exposições.

Horário de abertura: domingos, terças e quartas: 10:00-22:00; quintas, sextas e sábados: 10:00-01:00. Encerra às segundas-feiras. Entrada livre.

  • Casa Bocage e Arquivo Fotográfico Américo Ribeiro

Junto ao miradouro de São Sebastião, no entrançado de belas ruas estreitas de Setúbal, encontrará esta galeria na antiga casa do mais famoso poeta sadino: Bocage. Alguns dos nomes mais conhecidos da arte portuguesa de hoje passaram por aqui, tentando sempre dedicar especial atenção aos artistas da região de Setúbal.

O Arquivo Municipal de Fotografia Américo Ribeiro, está alojado no mesmo edifício. Américo Ribeiro é nada mais nada menos que o fotógrafo mais importante de Setúbal. Nasceu em 1906 e até à sua morte em 1992 recolheu mais de 10.000 imagens fotográficas. Algumas das suas fotografias a preto e branco são verdadeiras pinturas, outras são pérolas onerosas que nos permitem decifrar os comportamentos, tradições e costumes sadinos no século XX.

Horário de abertura: segunda a sexta-feira das 9h00-12h00 e 13h30-17h00; sábado: 15h00-19h00. Fechado aos domingos. Entrada gratuita.

Casa de Bocage, en Setúbal. Foto de guiadacidade.es
Casa de Bocage, em Setúbal. Foto por guiadacidade.es
  • Museu do Barroco (Casa do Corpo Santo)

Este museu está instalado num palácio do século XVII-XVIII, a antiga sede da Confraria dos Navegantes, armadores e pescadores de Setúbal. Fica mesmo no centro histórico, ao lado da Igreja de Santa Maria. Mesmo que não seja fã de arte barroca, vale a pena entrar para ver o seu interior, forrado com azulejos azuis e brancos, ilustrando o quotidiano aristocrático de outrora. Presta também homenagem à história marítima de Setúbal com uma exposição permanente de mais de 100 instrumentos das ciências náuticas.

Horário de abertura: terça-feira a sábado das 9h às 12h30 e das 14h às 17h30. Fechado aos domingos e segundas-feiras. Preço 1,50 euros/pessoa.

  • Museu do Trabalho Michel Giacometti

Instalado numa antiga fábrica de conservas de peixe, que funcionou até 1971, este museu abriu em 1995 e tem duas exposições permanentes: uma de maquinaria industrial relacionada com as indústrias de conservas de peixe e litografia “A indústria conserveira: do mercado do peixe à lata” e outra exposição etnográfica de ferramentas e implementos agrícolas recolhidos sob a orientação e supervisão de Michel Giacometti.

Horário de abertura: terça-feira a sexta-feira das 09:30 às 18:00; sábados das 15:00 às 19:00 (no inverno das 14:00 às 18:00). Fechado aos domingos, segundas-feiras e feriados (aberto aos domingos no inverno). Preço 1,50 euros/pessoa.

Museu do Trabalho Michel Giacometti, em Setúbal. Fotografia do Mun-Setúbal

Embora estas sejam os pontos essenciais a ver num passeio pelo centro da cidade, mais uma vez, a melhor coisa a fazer é perder-se nas suas ruas estreitas com os seus edifícios coloridos, onde a cidade velha se mistura com a Setúbal de hoje.

La playa de la Salud se encuentra detrás de estás letras donde está la cafeteria-bar "Rockalot" que te hablamos en el apartado Donde Comer

Curiosidade:O sotaque de Setúbal, conhecido como “charroco”, ainda pode ser ouvido nas ruas, mas se não o quiser perder, uma viagem ao bairro de Troino (o bairro dos pescadores) é uma aposta segura. Este acento é caracterizado por um forte ênfase no “r” nas palavras e na aspiração de algumas letras. Por exemplo, “sardinha” seria “sarrrdinha” e “amiga”, “miga”.

Pintada homenageando el acento sadino: "Mira la sardina, amiga" en "charroco"
Grafitti a prestar homenagem ao sotaque sadino: “Olha a sardinha, amiga” em “charroco”.

Nas redondezas de Setúbal: praias e aldeias que merecem uma visita

Se vier durante uma semana para apreciar as praias e a gastronomia de Setúbal, terá também tempo para explorar a zona circundante. Nesta secção incluímos algumas das verdadeiras jóias da região.

Mourisca e a Reserva Natural do Estuário do Sado

Localizado na Reserva Natural do Estuário do Sado, o “Moinho de Maré da Mourisca” encontra-se numa área de sapal e é um plano ideal para os observadores de aves.

A quinta de Mourisca é uma área rica numa variedade de espécies e privilegiada para a observação de aves e ornitologia . O estuário do Sado é um local de nidificação, repouso e/ou hibernação de várias aves como cegonhas, flamingos e patos, e uma área de desova, desenvolvimento e crescimento de vários peixes e do roaz (golfinho roaz). É também uma área ideal para percursos pedestres, tais como a rota da Mourisca e a rota do Montado.

O “Moinho de Maré da Mourisca” é um dos quatro moinhos conhecidos do estuário do Sado e, até há algumas décadas atrás, operava oito mós simultaneamente. Há visitas guiadas ao edifício do moinho, passeios de barco no estuário do Sado, workshops e exposições temáticas, bem como um café e uma loja de venda de produtos regionais.

Horário de abertura: terça-feira a domingo das 10h00 às 17h00. Encerra às segundas-feiras.

Sesimbra e a praia da Ribeira do Cavalo

A nossa vila favorita nos arredores de Setúbal, Sesimbra, tem um encanto especial. Ao longo do seu passeio, tem duas praias, embora pareça ser apenas uma, Praia do Ouro à esquerda e Praia da Califórnia à direita. Normalmente não é possível desfrutar muito tranquilamente desta praia no Verão (quanto mais à direita melhor) porque normalmente está lotada com a população local, mas ao mesmo tempo é isto que lhe dá a sua personalidade.

Se Setúbal tem a reputação de ser a capital portuguesa do peixe grelhado, Sesimbra tem peixe e marisco das mesmas águas e muito bons restaurantes. Por isso, se desejar marisco fresco e um bom prato de marisco, será bem servido aqui. O restaurante Rodinhas tinha bons frutos do mar a um bom preço, mas não vamos lá há alguns anos.

Se procura mais tranquilidade, dirija-se para uma pérola de praia que tem sido considerada uma das mais belas praias de Portugal desde que foi descoberta: a praia da Ribeira do Cavalo. É a primeira das praias selvagens a oeste de Sesimbra e tem uma grande extensão de areia, dividida entre muito poucas pessoas, mesmo com a maré alta e no verão. No entanto, o paraíso tem de ser conquistado e chegar lá não é fácil: depois de estacionar junto ao Clube Naval tem de caminhar durante meia hora por terrenos selvagens (2,5 km) até chegar à praia.

Para encontrar la playa de Sesimbra así, sólo en Otoño o Invierno
Para encontrar a praia de Sesimbra vazia, apenas no Outono ou Inverno.

O Cabo Espichel e o seu Santuário

Na ponta mais ocidental da costa de Sesimbra fica o Cabo Espichel e achamos que é um óptimo lugar para terminar o dia aqui ao pôr-do-sol depois de alguns mergulhos, não acha?

Poderá estar familiarizado com o Cabo da Roca, a ponta mais ocidental do continente europeu, e o Cabo Espichel, mais longe das rotas conhecidas, poderá vir como uma boa surpresa. Pois aqui, para além da beleza natural, encontrará lendas, um farol, uma ermida, um santuário e até uma pegada de dinossauro!

Santuário de Nossa Senhora do Cabo Espichel o Santuário de Nossa Senhora da Pedra Mua, una de las mayores devociones de la Virgen en Portugal desde hace más de 700 años.
Santuário de Nossa Senhora do Cabo Espichel ou Santuário de Nossa Senhora da Pedra Mua, uma das mais importantes devoções à Virgem em Portugal há mais de 700 anos.

A cerca de 12 km de Sesimbra, o complexo arquitetónico do Santuário de Nossa Senhora do Cabo Espichel (também conhecido como Santuário de Nossa Senhora da Pedra Mua) foi construído num penhasco íngreme do Cabo Espichel no século XVIII.

Diz a lenda que no penhasco íngreme na ponta do Cabo Espichel, a oeste da igreja, está a Ermida da Memória, um pequeno templo construído no local onde a Virgem Maria apareceu. Por curiosidade, o teto de madeira do templo tem uma pintura a óleo que representa a Assunção da Virgem.

Ermita de la Memoria, Cabo Espichel
Ermida da Memória, Cabo Espichel

A primeira praia selvagem depois do Cabo Espichel é a Praia de Porto de Baleeira, também conhecida como Praia do Paraíso. Esta baía é muito procurada para batismos de mergulho e se chegar pela maré alta, vai ficar sem praia. Se preferir um longo trecho de areia onde terá sempre espaço para a sua toalha, a praia Meco, nas proximidades, nunca o desilude.

Palmela e o seu castelo

No início do guia dissemos-lhe que esta região não era só de mar e praias, mas também de vilas interiores encantadas, certo? Bem-vindo a Palmela! A apenas 9 km do interior de Setúbal e entre as montanhas da Serra da Arrábida encontra-se a vila de Palmela e o seu castelo, numa posição privilegiada para desfrutar de vistas espetaculares.

É uma fortaleza defensiva medieval, sucessivamente conquistada, destruída e reconstruída pelas tropas árabes e cristãs, onde os frades guerreiros da ordem militar de Santiago da Espada viveram em 1172, fundando o convento que existe no seu interior. Atualmente, esta fortaleza é um monumento nacional que alberga uma estalagem e várias bancas de venda de produtos regionais e artesanato para os visitantes.

El castillo de Palmela. Foto de cm-palmela.
O castelo de Palmela. Foto por cm-palmela

Azeitão e os seus vinhos, queijos e doces típicos

E ainda não falamos de algo muito importante: Setúbal é uma região vinícola! De vinhos brancos e tintos doces, das uvas moscatéis de Setúbal e moscatéis tintos, mas não só, também de vinhos rosados jovens, espumantes e tintos de grande complexidade com a casta Castelão, conhecida como “Periquita”. É evidente que a região de Setúbal é também ideal para os amantes do vinho.

As aldeias de Vila Nogueira de Azeitão e Vila Fresca de Azeitão, conhecidas como “Azeitão”, ficam a 12 km de Palmela e 10Km Setúbal. Aqui o foco está nos azulejos, no delicioso queijo de Azeitão (com aroma e sabor fortes), nos bolos de Azeitão (um dos doces mais famosos do país) e, claro, no vinho!

Há várias adegas para visitar e provar por aqui, mas não podemos deixar de recomendar a impressionante Quinta da Bacalhôa ou a adega José María da Fonseca.

Rumo a Palmela é outra adega propriedade de uma mulher empreendedora com muito bom vinho: Casa Ermelinda Freitas.

Há algo melhor do que um bom vinho com um bom queijo e uma sobremesa saborosa para terminar?

Quinta da Bacalhôa, foto de winetourismportugal.com
Quinta da Bacalhôa, foto de winetourismportugal.com

Chegar a Tróia de ferry e explorar as praias do Alentejo

Um grande plano para fazer num dos dias que está em Setúbal é atravessar o rio Sado de ferry boat, para a península de Tróia. A viagem demora cerca de 15 minutos e, se tiver sorte, será capaz de avistar os roazes, os golfinhos sadinos, como bónus.

La camper Vanpira cruzando el río Sado en ferry desde Setúbal hasta Troia
O ferryboat, conhecido localmente como “sapo” devido à sua cor verde, faz a viagem de Setúbal até à península de Tróia.

À chegada, pode desfrutar das deslumbrantes praias de Tróia ou, se levar o carro no ferryboat, pode ir mais para sul e descobrir algumas das que são, na nossa opinião, as mais belas praias de Portugal. De Tróia a Sines é a maior extensão arenosa da Europa, 45 km onde pode colocar a sua toalha e a solidão é possível, mesmo no auge do mês de Agosto!

Playa de Tróia, después de cruzar el ferry boat desde Setúbal hacia el Alentejo
Praia de Tróia, após atravessar o ferryboat de Setúbal para o Alentejo.

Se está disposto a isso, neste outro guia dizemos-lhe onde se encontram as melhores praias do Alentejo e da Costa Vicentina e neste, o roteiro que fizemos durante uma semana explorando a zona numa caravana.

La playa de Amália en todo su esplendor, de nuestro Top RandomPlayero
A incrível praia de Amália, no sudoeste do Alentejo. Dizemos-lhe onde está e como chegar

Curiosidades da Serra da Arrábida

Para além da sua beleza, esta cadeia montanhosa esconde segredos e curiosidades. Aqui, contamos-lhe alguns deles.

Na rota entre a praia de Albarquel e a praia de Figuerinha através da Serra da Arrábida, passará por uma zona de escavações arqueológicas chamada “Comenda“. Em frente ao mar encontra-se o imponente “Palácio da Comenda“, um palácio privado com 26 salas concebido no início do século XX pelo arquitecto português Raul Lino (também o arquiteto do belo Teatro Tivoli em Lisboa).

Há uma história por trás desta mansão: foi aqui que Jackie Kennedy se refugiou no seu luto após o assassinato de JFK. Parece que a irmã de Jackie, a Princesa Lee Radziwill, já tinha passado aqui vários verões, inclusive com o seu amigo íntimo Truman Capote, e recomendou à irmã, recente viúva, este oásis de paz à beira-mar. Após ter estado à venda desde a morte do seu último proprietário em 2009, e após especulação sobre o seu destino (por exemplo, a sua transformação num hotel boutique), foi vendido por 50 milhões de euros a uns milionários que preferem permanecer anónimos. O palácio tem o estatuto de Património Cultural desde 2017.

El Palacio de la Comenda donde se refugió Jackie Kennedy, también conocido como Palacio de Arrábida. 
O Palácio Comenda onde Jackie Kennedy se refugiou, também conhecido como Palácio da Arrábida.

Nesta mesma rota, através da serra antes de chegar a Figueirinha, passará também por uma mancha industrial, cinzenta, que não se enquadra na paisagem: a fábrica de cimento Secil-Outão, uma “aberração” criada em 1904. O funcionamento desta fábrica tem a população de Setúbal dividida entre os danos ambientais e o número de empregos que seriam perdidos com o seu encerramento. Precisamente devido à pressão das organizações ambientais, em 2003 a Secil criou a Comissão de Acompanhamento Ambiental de Outão (C.A.M.), que visa monitorizar o desempenho ambiental e social da fábrica para a tornar tão “sustentável” quanto possível…

La fabrica Secil (a la derecha) desde Troia, al otro lado del Sado, en un día nublado de Otoño
A fábrica Secil (à direita) vista de Tróia, do outro lado do Sado, num dia nublado de Outono.

Outra curiosidade da Arrábida (e também neste caminho) é que passará por um forte que se tornou um hospital: o Hospital Ortopédico Santiago do Outão, onde o pai de Inês trabalhou durante alguns anos. A fortificação da Torre de Vigia foi construída em 1390 na época do rei D. João I, tornando-a uma das mais antigas fortificações marítimas do país. O forte foi construído em 1572 durante o reinado de D.Sebastião, mas foi só no reinado de D. Carlos que a Rainha D. Maria Amélia de Orleans (sua esposa) ordenou, em 1900, que o forte fosse utilizado como sanatório de tuberculose devido ao clima benéfico da região. Desde 1909, o Sanatório foi convertido num Hospital Ortopédico (devido à drástica redução da tuberculose) até aos dias de hoje, e ainda abriga o Farol do Outão.

Hospital do Outão
Hospital do Outão

Onde ficar em Setúbal: as melhores zonas e opções

Setúbal é uma cidade com uma vasta gama de alojamentos, o importante é que escolha algo de acordo com as suas necessidades e a sua carteira. Recomendamos ficar perto da Praça do Bocage ou da Avenida Luisa Todi, para que possa ir a pé para casa depois de um bom jantar regado com vinho da península de Setúbal.

  • DuplexduBocage: apartamento de um quarto no coração da Praça do Bocage
  • 6/4 de Sado: quartos e suites no coração da rua principal da cidade, Avenida Luisa Todi.
  • Casa Postigo do Cais: casa na Travessa Postigo do Cais, com terraço.
Terraza de la Casa Postigo do Cais. Foto de Booking
Terraço da Casa Postigo do Cais. Foto de Booking
  • Para um capricho, hospede-se na Quinta de São Filipe, moradias e suites com vista para o mar e para a serra da Arrábida.
Despertarte con estas vistas en Quinta de São Filipe. Foto de Booking
Acorde com esta vista na Quinta de São Filipe. Foto de Booking

Encontrar mais alojamentos em Setúbal aqui

Onde ficar nas redondezas de Setúbal

Em todas as vilas circundantes que mencionámos anteriormente, também se pode passar uma noite se assim o desejar. Eis algumas recomendações que nos agradam muito:

Onde ficar em Sesimbra

Ficar na pitoresca vila de Sesimbra é outra excelente opção. Uma pequena praia bonita e muitas opções gastronómicas onde se pode jantar junto ao mar. Afinal, Sesimbra é também conhecida pelos seus peixes e mariscos grelhados.

  • Casinha do Pescador: 1 quarto com sofá-cama na sala de estar e vistas de cortar a respiração de Sesimbra.
Vistas del mar de Sesimbra en Casinha do Pescador. Foto de Booking
Vista do mar de Sesimbra na Casinha do Pescador. Foto de Booking
Wishlist: despertarse aquí. Chapuzón inclus
Lista de desejos: acorde aqui. Um mergulho mesmo antes do pequeno-almoço. Foto de Booking
  • Sesimbra Hotel&Spa: a Inês ficou aqui há alguns anos e adorou. Inclui uma piscina infinita com vista para o mar, um fantástico buffet de pequeno-almoço e quartos enormes e confortáveis.
Desayunar en el Sesimbra Hotel & Spa con vistas a la playa donde te bañarás en seguida
Pequeno almoço no Sesimbra Hotel & Spa com vista para a praia onde irá nadar num instante.

Encontrar mais alojamento em Sesimbra aqui

Onde dormir em Palmela

Se dormir com vista para o castelo iluminado está nos seus planos para uma noite romântica, preste atenção a esta lista. Se preferir algo mais económico, também:

Vistas del Castillo de Palmela iluminado en Porta da Arrábida Hostel & Suites. Foto de Booking
Vista do Castelo iluminado de Palmela na Porta da Arrábida Hostel & Suites. Foto de Booking
  • Para um capricho, se em vez de uma vista do castelo, preferir dormir no próprio castelo, vá à Pousada Castelo de Palmela: a pousada tem quartos ou suites no próprio Castelo com vistas panorâmicas da paisagem rural de Palmela.
Dormir en un Castillo: ¡check!
Dormir num castelo! Foto de Booking

Encontre mais alojamentos em Palmela aqui

Onde dormir em Azeitão

Azeitão, terra de vinho, montanhas, azulejos, queijos e pastelaria. Talvez uma noite aqui não seja suficiente, um fim-de-semana seria melhor. Além disso, existem alojamentos tão “coquettes” e com tais vistas….

Casa do Pinhal en Azeitão. Foto de Bookin
Casa do Pinhal em Azeitão. Foto de Booking
Arrábida Mountain House. Foto de Booking
Casa da Serra da Arrábida. Foto por Booking

Encontre mais alojamento em Azeitão aqui

Restaurantes que recomendamos em Setúbal

Como já mencionámos, a gastronomia de Setúbal irá deliciar os amantes de peixe e marisco. Não é que não tenha bons pratos de carne, que os tem, mas nesta cidade, o mar é o principal protagonista e também o é nas mesas dos seus restaurantes. Peixe fresco grelhado, cataplanas de peixe e choco frito são os pratos de excelência em Setúbal e os que lhe recomendamos que prove.

Plaza de Fonte Nueva y sus restaurantes de pescado a la brasa
Largo da Fonte Nova e os seus restaurantes de peixe grelhado, aqui no verão o cheiro é de sardinhas grelhadas.

Para comer bom peixe grelhado:

  • O Miguel, perto do rio (Av. José Mourinho): não é um dos mais baratos mas a qualidade é muito boa. Tudo aqui é delicioso, desde as entradas de marisco até ao peixe grelhado.
  • Ribeirinha do Sado (Av. Luisa Todi): mais barato que o anterior e muito famoso entre os habitantes locais.
Dorada a la brasa, en Setúbal
Dourada do mar grelhada, Setúbal
En la Avenida José Mourinho abundan los restaurantes de pescado a la brasa.
A Avenida José Mourinho está cheia de restaurantes de peixe grelhado.

Para comer bom choco frito frito:

  • Leo do Petisco (Av. Luísa Todi): Para mim, o rei do choco frito de Setúbal, a massa tem um incrível toque picante. Devido à sua fama, tende a encher-se cedo.
  • Casa de Santiago (Av.Luisa Todi): Na nossa opinião, não é tão bom como o Leo mas é uma boa opção é se o Leo estiver demasiado cheio.
Choco Frito, la estrella gastronómica setubalense (juntamente con el pescado a la brasa)
Choco Frito, a estrela da gastronomia de Setúbal

Para comer uma boa cataplana:

E o que é uma cataplana? pode estar a perguntar-se. Uma cataplana é uma caçarola com uma forma esférica original constituída por duas partes unidas por um eixo articulado no qual os alimentos podem ser cozinhados, principalmente peixe e marisco. Os alimentos são cozinhados a vapor, uma vez que permitem uma vedação praticamente hermética, pelo que se encontram algures entre o ponto de uma caçarola tradicional e o pote expresso moderno. Por exemplo, o peixe é normalmente acompanhado por batatas e estas apanham o rico sabor do peixe, marisco, tomate, pimenta ou outras especiarias que são adicionadas. Delicioso.

  • Novo 10 (Av. Luisa Todi): um lendário restaurante na Avenida Luisa Todi. As cataplanas e os pratos de arroz são deliciosos.
Una deliciosa cataplana de mariscos y calamar. Foto de kphome.es
Uma deliciosa cataplana de marisco e lulas. Foto por kphome.es
Arroz de marisco, de nuestros platos portugueses favoritos. Este no se encuentra en ningún restaurante, está hecho por la mamá de Inês...
Arroz de tamboril, um dos nossos pratos portugueses favoritos. Este da fotografia não se encontra em nenhum restaurante, é feito pela mãe da Inês…

Para se satisfazer:

  • Champanheria (Av. Luisa Todi): para comer deliciosas ostras frescas como aperitivo
  • Xtoria (R. Guilherme Gomes Fernandes) por Rita Neto, vencedora da primeira edição da Masterchef Portugal, ainda desconhecida para nós.
  • Vela Branca (Parque Urbano de Albarquel): o arroz com peixe naufragado e a açorda (prato típico feito com migalhas de pão) são deliciosos. O melhor: as vistas do rio Sado, do Atlântico e de Tróia.
Terraza del restaurante a Vela Branca con Troia al fondo
Esplanada do restaurante Vela Branca com Tróia como pano de fundo. Foto de Zomato

Boas pastelarias e gelatarias para o pequeno-almoço e lanches:

Helado de Vichy, en Av. Luisa Todi
Geladaria Vicci, na Av. Luisa Todi

Para uma bebida com vista:

Rockalot y playa de la ciudad (Praia da Saúde
Rockalot e praia da cidade (Praia da Saúde)

Para aqueles que não são amantes de peixe e preferem pratos de carne (também é muito saboroso aqui porque estamos perto do Alentejo, terra de rica carne e enchidos):

Pratos que deve experimentar, para além dos acima mencionados:

  • Ameijôas à Bulhão Pato (amêijoas num molho típico com muita cebola e coentros)
  • Carne de Porco à Alentejana (carne de porco com amêijoas, soa estranho mas é deliciosa)
  • Salada de Polvo (salada de polvo, fresca e saborosa)
Ameijoas a bulhão pato, bien cargadas de cilantro
Ameijoas a bulhão pato, bem carregado de coentros

Como chegar a Setúbal a partir de Lisboa

Há 3 maneiras de chegar a Setúbal a partir de Lisboa: de comboio, de autocarro ou de carro.

  • De comboio: a nossa maneira de chegar preferida. O comboio Fertagus (conhecido como o comboio da ponte) atravessa a ponte 25 de Abril e as vistas de Lisboa e do Tejo a partir do comboio são espetaculares. Além disso, a viagem demora menos de uma hora independentemente do tempo de trânsito, há vários comboios por dia em ambos os sentidos (Lisboa-Setúbal ou Setúbal-Lisboa) e é muito pontual. A outra vantagem é que pode sempre apanhar o comboio mesmo na hora de ponta, o pior que pode acontecer é ter de ficar de pé durante parte da viagem. Existem quatro estações ferroviárias Fertagus em Lisboa (Roma-Areeiro, Entrecampos, Sete Rios e Campolide) e uma em Setúbal. Verifique aqui o horário dos comboios Fertagus, pois varia nos dias de semana e fins de semana e feriados.

Se chegar a Lisboa por via aérea, estiver no aeroporto e quiser ir para Setúbal neste comboio, terá de apanhar o metro de Lisboa na estação do aeroporto: linha vermelha (linha Oriente) para a estação “Alameda”, mudar para a linha verde (direção Telheiras) para a estação “Roma” e ir para a estação de comboio “Roma Areeiro“. Aqui pode apanhar o comboio Fertagus para Setúbal.

El puente 25 de Abril es uno de los dos puentes que tendrás que cruzar para llegar a Setúbal desde Lisboa
A ponte 25 de Abril é uma das duas pontes que se podem utilizar para atravessar o Tejo para chegar a Setúbal a partir de Lisboa.
  • De autocarro: Há duas linhas de autocarro que percorrem Lisboa-Setúbal e Setúbal-Lisboa várias vezes por dia e sobre ambas as pontes que atravessam o Tejo. Dependendo de onde estiver em Lisboa, uma ou outra estação será mais conveniente (há apenas uma estação em Setúbal). O autocarro 562 circula Lisboa Oriente – Setúbal (via ponte Vasco da Gama, o autocarro parte da estação Oriente, horários aqui) e o autocarro “Rede Expresos” circula Sete Rios – Setúbal (via ponte 25 de Abril, o autocarro parte da estação Sete Rios, horários aqui). O percurso via “Vasco da Gama” (A12 – 54 km) pode ser um pouco mais longo do que a ponte “25 de Abril” (A2 – 49 km) mas normalmente tem menos tráfego na hora de ponta. A desvantagem do autocarro em relação ao comboio é a seguinte: depende do tráfego na estrada (sobretudo para sair de Lisboa) e na hora de ponta pode ficar sem lugar e ter de esperar pelo próximo.

Se vem do aeroporto de Lisboa, a melhor maneira é apanhar a linha vermelha do metro (linha Oriente) da estação“Aeroporto” para a estação“Oriente” e depois apanhar o autocarro para Setúbal, via Ponte Vasco da Gama.

  • Carro ou Mota: Se vier de carro ou mota (próprio ou alugado) terá de passar por uma das duas pontes que atravessam o Tejo para chegar a Setúbal, tal como de autocarro. Pode atravessar a famosa ponte vermelha que se assemelha à de São Francisco: a ponte 25 de Abril e as suas incríveis vistas sobre Lisboa (mais aconselhável se não for hora de ponta, 17h-19h nos dias de semana e manhãs e tardes nos fins de semana com bom tempo) pela auto-estrada A2 durante 49 km até chegar a Setúbal. Se estiver mais perto do “Oriente” e do Parque das Nações, pode também optar pela ponte Vasco da Gama, a segunda ponte mais longa da Europa (mais de 12 km construída para a Expo’98) e conduzir para sul na auto-estrada A12 durante 54 km até Setúbal. Mais informações sobre portagens na próxima secção: Alugar um carro em Portugal.

No aeroporto de Lisboa existe um stand da Sixt que é onde normalmente alugamos carro. Já conhecemos as “letras pequenas” e normalmente não temos quaisquer problemas. Recomendamo-lo, verifique aqui os preços dos carros. Do aeroporto, conduzirá até Setúbal na auto-estrada A12 e atravessará o Tejo através da ponte Vasco da Gama.

Randombike: a mota que alugámos durante os meses de Verão para evitar as filas de carros na ponte 25 de Abril (vivemos em Lisboa) e para poder circular livremente pela Arrábida (no verão os carros têm circulação limitada, mais informações aqui). Aqui, Randombike ao pôr-do-sol na Serra da Arrábida. Se preferir alugar uma motocicleta, fazemo-lo com Cooltra.

Alugar um carro em Portugal

Dado que vivemos no centro de Lisboa sem carro, quando precisamos de alugar carro, normalmente alugamos com a Sixt porque são geralmente os que têm a melhor relação qualidade/preço (quilómetros ilimitados, menos “armadilhas” em relação à gasolina e assim por diante, etc.). Já conhecemos os seus termos e condições por termos alugado tantas vezes com eles, por isso sabemos o que esperar. Em Lisboa a Sixt tem um stand no aeroporto, bem como em outras partes da cidade, e é a empresa que recomendamos para alugar um carro em Portugal.

Algumas dicas para alugar um carro em Portugal:

  • O combustível é caro relativamente a outros países europeus, por isso tenha isto em conta ao calcular o seu orçamento de viagem.
  • Para portagens, tem duas opções:
    • Alugar o dispositivo Via Verde (para conduzir sem parar nas portagens e a empresa de aluguer debite o valor directamente no seu cartão). A Sixt pode facilitar o dispositivo, embora tenha de pagar por dia e nem sempre valha a pena.
    • Não alugar o dispositivo Via Verde: neste caso, terá de passar pelas portagens manuais e pagar. O problema é que existe um tipo de portagem em Portugal que não tem uma opção de pagamento manual (são arcos que têm câmaras e detectores de Via Verde). Se não contratar o aparelho e passar por um deles, terá de pagar depois. Pode pagar pessoalmente nos CTT (Correios) ou online.
  • Seguro: O preço base da Sixt inclui seguro com franquia, mas pode pagar um extra para baixar ou eliminar a franquia. Verifique cuidadosamente qual a opção que escolhe.
  • Conduzir em Portugal é, na nossa opinião, muito imprudente, especialmente em estradas secundárias. Conduza com cuidado e, se alguém estiver atrás de si com pressa, deixe-o passar.

Se está a considerar alugar uma scooter, saiba que o fazemos com a Cooltra.

Felices en uno de nuestros paseos en coche por Serra da Arrábida. Aquí, en uno de sus miradores después de un día de playa
Felizes na Serra da Arrábida. Aqui, num dos seus miradouros, após um dia na praia.
Las aguas cristalinas y la piedra de Anicha en la playa de Creiro
As águas cristalinas e a pedra Anicha na Praia do Creiro

Orçamento para viagens a Setúbal

Os orçamentos são sempre orientativos, dependendo de como se viaja, quanto se quer/pode gastar e qual o nível de conforto que se procura.

Orçamento para uma viagem a Setúbal (7 dias – uma semana)

  • Almoços/jantares: 350 euros: 25 euros por almoço/jantar para dois (50 euros por dia se fizer sempre as refeições fora)
  • Alojamento*: 490 euros (70 euros por noite, quarto privado com casa de banho privada para 2 pessoas)
  • Estacionamento na Arrábida: 16 euros (4 euros por dia por veículo)
  • TOTAL**: cerca de 850 euros (120 euros por dia) para 2 pessoas (ou seja, 60 euros/pessoa)

*Se escolher um alojamento mais económico antecipadamente ou optar por um alojamento com cozinha e evitar refeições fora, a viagem pode ser mais económica. Este orçamento é apenas uma estimativa.

**Este orçamento pressupõe que tem carro e que vem para Setúbal com esse veículo. Se não tiver carro ou se voar para Lisboa e alugar um carro, acrescente estas despesas (aproximadamente) ao seu orçamento:

  • Aluguer de automóveis (8 dias)*: 180 euros (22 euros por dia)
  • Combustível: 56 euros (8 euros por dia)
Creiro, Anucha y el mar turquesa desde Portinho da Arrábida
Creiro, Anicha e o mar turquesa do Portinho da Arrábida

Recomendações para desfrutar de Setúbal e do Parque Natural da Arrábida e das suas praias

  • Proteger e respeitar a fauna e flora do Parque Natural da Arrábida.
  • Respeitar os outros. Não ponha a sua música alta na praia (se quiser ouvir música, use auscultadores), não deixe lixo, não atire pontas de cigarro, etc.
  • Usar protetor solar reef friendly, isto é, livre de químicos nocivos aos corais, livre de oxibenzonas, e não testado em animais, como este ou este.
  • Em algumas praias desta costa, a natação pode ocasionalmente ser perigosa devido a fortes correntes. Não se arme em corajoso/a.
  • Se vai fazer um percurso pedestre na Serra da Arrábida:
    • Siga uma rota existente ao longo dos trilhos marcados: fora desta rota não é permitido, pois pode causar danos irreversíveis à biodiversidade da serra.
    • Se vai fazer o percurso sozinho, informe alguém da sua família ou amigos sobre o seu percurso e a hora prevista de chegada.
    • Escolher roupas e calçado confortáveis
  • Leve o seu kit de primeiros socorros, que inclua um medicamento para o enjoo (como a biodramina), antibióticos, anti-diarreicos (e um probiótico para o ajudar a recuperar mais rapidamente), anti-histamínicos, analgésicos e antipiréticos.
  • Viaje sempre com seguro de viagem: despesas médicas, roubo ou problemas numa viagem podem custar-lhe muito dinheiro, por isso o ideal é fazer um seguro de viagem. Utilizamos sempre a IATI e recomendamo-la. Se subscrever o seu seguro através deste link, recebe um desconto de 5%.

Faça o que fizer, seja responsável pelo lugar onde se encontra e pelas pessoas que aí possa encontrar também.

El Parque Natural de la Serra da Arrábida es de todxs: preservalo.
O Parque Natural da Serra da Arrábida pertence a todos: obrigatório preservá-lo.

Este guia para Setúbal não teria sido o mesmo sem a contribuição da minha mãe. Cecília (Cila ou Cilinha para a sua família e amigos), é uma bela mulher por dentro e por fora, amante dos passeios na Serra da Arrábida onde tenta fugir todos os domingos, da boa gastronomia de Setúbal (tem um dom para fazer magia com ingredientes), da vida do seu bairro (um dos mais antigos de Setúbal) e do seu povo.

Depois de deixar a terra do seu nascimento, Moçambique, em Setúbal construiu uma vida, criou raízes e deu asas à minha irmã Sara e a mim, Inês. Agora, como ela diz frequentemente, sente-se quase mais desta terra do que de qualquer outra, afinal é aqui que já passou a maior parte da sua vida (embora o sonho de pisar terras moçambicanas ainda lá esteja).

Este guia é para ti, Mummy. Obrigada, por tudo.

Mi madre y yo disfrutando de la vista de una de las mejores combinaciones que existen en cualquier época del año: Arrábida y mar
A minha mãe e eu a desfrutamos de uma das melhores combinações que existem em qualquer altura do ano: a Arrábida e o mar.

Gostou do nosso guia? Pode poupar e apoiar o nosso trabalho!

Se o nosso guia foi uma boa ajuda para a sua viagem, pode apoiar este projeto e poupar nas suas reservas usando os seguintes links:

  • 5% de desconto no seu seguro de viagens com a IATI (inclui cobertura Covid-19)
  • Até 15% de desconto na Booking.com
  • Alugue um carro ao melhor preço com DiscoverCars
  • Reserve os seus tours com antecedência e não fique sem lugar com a Civitatis
  • Encontre voos baratos no Skyscanner e na Kiwi
  • Não fique sem internet na sua viagem com os cartões SIM da Holafly até 5% de desconto
  • Peça um cartão Revolut, para levantar dinheiro sem comissões em todo o Mundo

Disclaimer: Este guia contém links de afiliados o que significa que ao usá-los, recebemos uma pequena comissão no Randomtrip. A si não lhe custa nada e, por vezes, até lhe sairá mais barato pelos descontos que conseguimos e a nós ajuda-nos e motiva-nos a continuar a criar guias tão completos quanto este.

5/5 - (5 votes)

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *